O conteúdo do vosso blog é a estrela, certo? As fotografias maravilhosas, as dicas úteis, os tutoriais rápidos… É com isso que vocês querem atrair leitores e prendê-los ao vosso blog.

Então porque é que estão a ofuscar esse conteúdo com uma sidebar desorganizada?

A vossa sidebar deve estar de acordo com os objectivos que vocês têm para o vosso blog e com as vossas prioridades. Deve parecer simples e arrumadinha e não cheia de tralha e confusa!

Esta semana trazemos dez culpados pelo síndrome de sidebar desorganizada. Leiam e vejam se podem eliminar alguns destes da vossa. Vai resultar numa arrumação instantânea, prometemos!

1. UMA LISTA DOS BLOGS QUE GOSTAM

É muito bom apoiar bloggers que gostamos ao metermos um link para os seus cantinhos da internet no nosso mas, na verdade, os vossos leitores vão clicar nesses links, sair do vosso blog, e muito provavelmente vão-se esquecer de regressar porque ficaram entretidos com os blogs que lhes mostraram.

Façam antes uma página no vosso blog chamada de blogroll, onde mostram esse mesmo amor aos bloggers que vocês gostam!

2. UMA SECÇÃO DAS “THINGS YOU LOVE

Como aquela t-shirt da Bershka e aqueles óculos de sol da Parfois. A não ser que sejam um/a blogger de moda e pagos para promover tais itens na vossa sidebar, está na altura de se perguntarem se é realmente necessário.

3. UM MINI SLIDESHOW DO VOSSO FEED DE INSTAGRAM

Isto é para aquelas pessoas que publicam uma fotografia de três em três meses no Instagram. Se são assim: removam. Isso distrai os vossos leitores das coisas mais importantes como assinarem a vossa newsletter ou seguirem o vosso blog!

4. UMA LISTA INTERMINÁVEL DE CATEGORIAS

Less is more e se insistem em ter esta lista na vossa sidebar escolham (no máximo!) cinco ou seis categorias.

5. UMA LISTA INTERMINÁVEL DOS ARQUIVOS DO VOSSO BLOG

Se têm um blog há muito tempo, optem por ter um arquivo em dropdown! A vossa sidebar vai parecer muito mais curta e muito mais arrumadinha!

6. CONTADORES

Saber quantas pessoas estão no vosso blog àquela altura não interessa a ninguém (a não ser a vocês). Pensem nisso e passem a usar o Google Analytics!

7. O DISCLAIMER

Atenção que isto é importante. Mas o sítio apropriado para o pôr é no footer e não na sidebar. Usem o espaço que o disclaimer ocuparia na sidebar com coisas mais úteis como os botões para as vossas redes sociais!

8. UM PLUGIN DE UMA REDE SOCIAL QUE RARAMENTE USAM

Se não usam o Twitter há meses (ou anos, ou só usaram uma vez) e têm um plugin com o feed do vosso Twitter na vossa sidebar…apaguem-no e assim poupam tempo aos vossos leitores. Encontrem uma rede social que usem regularmente e guia os teus leitores nessa direcção. Win-win para os dois lados!

9. MEDIA EMBUTIDA

Embutirem demasiadas coisas (como vídeos do YouTube) na vossa sidebar faz com que o vosso blog fique muito mais lento a carregar. E o que é que as pessoas fazem quando um site/blog leva mais do que dez segundos a carregar? Elas vão-se embora.

Nós compreendemos que queiram mesmo mostrar aquele vídeo engraçado ou o último que vocês fizeram para o vosso canal (por exemplo), mas há melhores maneiras de o fazer! Tentem antes fazer uma publicação sobre isso, as atenções vão ser muito maiores e vão ganhar mais com isso.

10. BLOG AWARDS QUE NUNCA NINGUÉM OUVIU FALAR

Apaguem coisas destas categorias do vosso blog porque dá uma impressão de amadorismo e ingenuidade. É bonito dar e receber estes prémios mas a maioria das pessoas não vai prestar atenção. As excepções existem: se receberem prémios da Cosmopolitan (ou algo desse género)…deixem-nos estar!


Bloggers Camp

O Bloggers Camp é uma plataforma com dicas de e para bloggers criada por Ana Garcês (Infinito mais um), Catarina Costa (Daydreams) e Catarina Alves de Sousa (Joan of July).

2 comentários

Inês · 29/06/2016 às 22:43

muito útil! já vou apagar umas coisinhas haha

beijinho,
Moi by Inês

RJ · 01/07/2016 às 07:24

Mais um muito útil artigo. Obrigado!
Fiquei contente por saber que respeito a maioria destas boas práticas 🙂
Cumprimentos,
RJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *